AC – Movimento de Bandas e Fanfarras do Acre retorna com nova diretoria e planeja concurso interestadual

A associação agora conta com uma nova diretoria liderada por Anderson de Lima Oliveira

0
41

Em um retorno cheio de energia e renovação, o Movimento de Bandas e Fanfarras do Acre está de volta às atividades sob a liderança do músico e coreógrafo Anderson de Lima. O ContilNet teve a oportunidade de conversar com Anderson na tarde desta terça-feira (3) para descobrir as emocionantes novidades da nova diretoria.

Uma das principais mudanças é que a Abanfacre voltou em dezembro de 2022, com Anderson assumindo o cargo de presidente diretor da associação. Além disso, eles conquistaram a afiliação à CNBF (Confederação Nacional de Bandas de Fanfarras) e agora estão empenhados na organização da terceira edição do Concurso Interestadual de Bandas e Fanfarras do estado do Acre.

O presidente Anderson compartilhou: “As novidades da Abanfacre é que ela voltou em dezembro de dois mil e vinte e dois sendo eu como presidente diretor da Abanfacre e atualmente nós fomos os afiliados a CNBF Confederação Nacional de Bandas de Fanfarras,e estamos lutando para eh organizar a terceira edição do concurso interestadual de bandas e fanfarras do estado do Acre.”

Quanto ao apoio da Secretaria de Educação, Anderson está em busca de novas parcerias e apoios para a realização do evento interestadual. Ele destacou a disponibilidade do secretário Aberson de Carvalho para ajudar, mas também ressaltou a importância de unir esforços para garantir o sucesso do concurso, considerando a complexa logística envolvida.

Anderson também enfatizou o objetivo fundamental da associação: fomentar o movimento de bandas e fanfarras, não apenas na comunidade, mas também nas escolas. Ele relembrou com orgulho as conquistas passadas das comunidades escolares do estado, que já alcançaram vários títulos em concursos nacionais pelo Brasil.

“O objetivo da associação é fomentar o movimento de bandas e fanfarras, não só na comunidade, como nas escolas, também voltar ao movimento escolar, também de bandas e fanfarras escolares. Onde as escolas do nosso estado já foram campeão nacional em vários concursos nacionais aí no Brasil afora e resgatar o nosso movimento de bandas e fanfarras do nosso estado, que precisa duma nova roupagem”, afirmou Anderson.

A associação agora conta com uma nova diretoria liderada por Anderson de Lima Oliveira e está determinada a organizar com sucesso a terceira edição do Concurso Interestadual. Com as edições anteriores realizadas na UFAC e na Gameleira em 2022, eles estão buscando parcerias e colaborações para fortalecer ainda mais o evento.

É importante notar que a associação opera sem fins lucrativos, destacando seu compromisso com a promoção do talento musical e cultural no Acre.

O retorno do Movimento de Bandas e Fanfarras do Acre sob nova liderança e com planos ambiciosos certamente promete revitalizar esse importante aspecto da cultura musical e educacional no estado.