PB – Centro Cultural de Mangabeira realiza atividades para lembrar Dia da Independência

0
18

O Centro Cultural de Mangabeira Tenente Lucena, vinculado à Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) e à Secretaria de Educação (Sedec) do Município, vai realizar uma programação alusiva à Semana da Pátria, de 31 de agosto a 3 de setembro. Com o evento ‘Cultura e Independência’, a ideia é valorizar as atividades das bandas e fanfarras que não puderam se apresentar no Dia da Independência em 2020 e não desfilam novamente este ano em razão da pandemia da Covid 19.

A secretária de Educação de João Pessoa, América Castro, explicou que a Sedec está organizando o desfile com muito cuidado para não gerar aglomeração. Por isso, participam apenas três pessoas de cada escola. No dia 7, o desfile será no Centro de Treinamento do Valentina. Cada escola será representada por dois alunos e haverá apresentação apenas das bandas da Sedec.

“Que a gente possa trazer novamente à rede o respeito de todos os cidadãos com o Dia da Independência. Além da homenagem que fazemos ao nosso País, trazermos para nossos alunos e a escola a importância da independência e, nesse momento de pandemia, o cuidado com o próximo”, comentou.

O diretor do Centro Cultural Mangabeira, Júnior Mangabeira, observou que o bairro possui várias bandas marciais, inclusive algumas foram campeãs em eventos nacionais. “Isso nos traz um olhar para o reconhecimento no bairro e para manter vivos esses grupos que foram muito afetados pela pandemia. O evento da Semana da Pátria ressalta a importância das bandas e fanfarras”, disse.

Júnior Mangabeira ressaltou que as apresentações começam sempre às 19h e todos os protocolos de saúde serão respeitados durante os quatro dias. “Nosso intuito é realizar o evento trazendo alegria para esse público no Centro Cultural Mangabeira”, completou.

Apenas três bandas participam, que são as específicas da Secretaria de Educação – a Banda Sedec possui três níveis. No Centro Cultural Mangabeira, cada dia será a apresentação de um deles. No desfile, essas três bandas irão acompanhar os alunos com o estandarte de cada escola.

Investimento – A secretária América Castro ressaltou que, desde o início da gestão, o prefeito Cícero Lucena tem incentivado as bandas marciais e foi buscar recurso com o Governo Federal.

“Conseguiu R$ 900 mil e estamos licitando para poder comprar instrumentos novos e fazer novas bandas para atender toda a rede. Antes, não existiam. Elas começaram a treinar dentro do Centro Administrativo Municipal (CAM). Como a meninada gosta muito, nós incentivamos porque é uma maneira de destacar os dons de cada um. Têm muitos meninos bons em vários instrumentos dentro da rede. Incentivamos também instrumentos como violino, violão, no Centro Integrado, que funciona em Mangabeira”, concluiu.

  • Texto: Lucilene Meireles
    Edição: Andrea Alves
    Fotografia: Funjope/Divulgação