Fundada em 10 de agosto de 1985, exatamente há 35 anos, a Banda Lyra Mojimiriana, é hoje referência nacional e internacional na finalidade de inclusão social através do ensino de música. A entidade criada pelo maestro Carlos Lima só foi ganhar personalidade jurídica em 1988.

As primeiras reuniões para a formação da Banda Lyra, então Bandinha do Tiro de Guerra, contavam com a participação de voluntários, membros da sociedade civil e militar de Mogi Mirim.

Apenas dois meses depois de sua criação, em 22 de outubro, a Lyra fez sua primeira apresentação. Foi no aniversário de 216 anos da cidade. No desfile cívico, desceu a Rua Chiquito Venâncio tocando “Cidade Maravilhosa” e “Estão Voltando as Flores” e, em frente às autoridades, a banda tocou o tradicional “Parabéns pra Você”.

Em 1987, a Banda Lyra se estabelece na sede desocupada pela extinta Febem, onde hoje funciona a Secretaria de Educação, ao lada da Etec “Pedro Ferreira Alves”.

Nessas três décadas e meia de atuação, formou centenas de músicos e despertou em milhares de pessoas o interesse pela música instrumental.

“Reflito diariamente sobre a trajetória da Lyra ao longo desses 35 anos, observando as suas conquistas, o impacto na sociedade, o seu papel de difusão da arte através das inúmeras apresentações públicas, a transformação na vida de jovens através da oportunidade de acesso ao ensino da música”, comenta Carlinhos Lima, o pai da Lyra.

Instituição cultural sem fins lucrativos, a Lyra foi declarada como de utilidade pública pela Lei Municipal nº 51/1989.

A entidade desenvolve o trabalho de iniciação musical, de aprendizado do instrumento até as formações mais complexas, como banda e orquestra.

Cursos e estrutura

Dentre os cursos de instrumentos oferecidos pela Lyra Mojimiriana estão: violino, viola, violoncelo, contrabaixo acústico, oboé, fagote, flauta transversal, clarineta, saxofone, trompete, trombone, trompa, tuba, percussão sinfônica, além dos instrumentos populares como violão, guitarra, contrabaixo elétrico, bateria e percussão popular.

A Lyra também promove a cultura com a Orquestra Sinfônica, a Banda, o Grupo de Seresta, com os corais, grupos de câmara, Orquestra de Violão, Orquestra Infantil, Lyrinha, Lyra Jazz (big band) e Fanfarra da Melhor Idade.

Construir cidadãos através da educação musical e torná-los agentes transformadores de uma sociedade melhor é o propósito da instituição, reconhecida pelo Ministério da Cultura como modelo em ensino musical.

Parceiros

Para isso, a Banda Lyra conta com competentes colaboradores e apoios importantes: Prefeitura Municipal Municipal (Secretaria de Cultura e Turismo, Secretaria de Educação, Fundo Social de Solidariedade, Conselho de Cultura), os governos Estadual e Federal com as Leis de Incentivo e as empresas patrocinadoras Itaú-Unibanco, Renovias, Tenneco, Sogefi Group, Balestro, Grupo Guaçu.