A seção “PlanetaEntrevista” está de volta com uma personalidade ímpar no meio de bandas e fanfarras no Brasil. Desta vez, o “Marquinhos” como carinhosamente é conhecido o maestro Marco Antonio Rodrigues, responde às perguntas feitas por nossa equipe de uma forma muito natural e sincera.

Esta, com certeza,  entra para a história do PlanetaBandas. Aproveitamos também esta entrevista e extendemos nossos cumprimentos a todos os mestres de banda, pelo seu dia, comemorado em 11 de Julho.

Agradecemos imensamente ao maestro por suas respostas claras e sua disponibilidade aqui em nosso site. Sem mais delongas, vamos lá: (não esqueça de colocar seu fone de ouvido)


PLANETABANDAS: Conhecido no meio de bandas e fanfarras de São Paulo e até do Brasil, quem é o Marco Antonio Rodrigues (o marquinhos)?

PLANETABANDAS: Em sua trajetória musical, quais as grandes corporações musicais de sua vida? O que elas representam para você? Algum arrependimento do passado?

PLANETABANDAS: Desde já damos os parabéns pelo prêmio que conquistou em regência. Conte-nos mais sobre essa premiação?

PLANETABANDAS: Muitos campeonatos de bandas o fanfarras tem o Marquinhos como avaliador, até em grandes eventos, como o estadual de São Paulo. Qual sua visão neste aspecto?

PLANETABANDAS: Como está o movimento de bandas e fanfarras em sua opinião atualmente?

PLANETABANDAS: Sem polemizar, os grandes embates de bandas marciais sênior em SP na década de 90 e 2000 foram entre as suas corporações e as corporações do maestro Eduardo Stella. Quais suas impressões a respeito?

PLANETABANDAS: O que podemos esperar do Marquinhos para os próximos anos? Algum projeto novo?

PLANETABANDAS: Suas considerações finais. E desde já o obrigado do PlanetaBandas!


Entrevista feita por Marcio Mazzi Morales
Whatsapp Web 1.5 para Windows 10
Áudio gravado e editado pelo software SonarX2

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here